VÍDEO: VOU MORAR NOS ESTADOS UNIDOS?

Rélou pipou!

Finalmente voltei para esse blog abandonado haha desculpa gente, mal mesmo, mas nos próximos vídeos vocês vão entender melhor: ESTOU MORANDO NOS ESTADOS UNIDOS!

Mas calma, vamos por partes! Vou começar do começo, ok? Quem me falou desse programa foi um amigo da faculdade. E quando ele me falou eu nem dei muita pelota pro assunto, porque sei lá, depois de eu já ter pesquisado vários tipos de intercâmbios eu já estava cansadona de ver aqueles preços absurdos e que obviamente eu não conseguiria pagar sozinha em um curto tempo. Em 2015 eu terminava a facul, então eu já estava pensando o que seria da minha pessoa depois. Então, finalmente resolvi pesquisar o tal do Au Pair.

Foi bem aí que eu comecei a ver os vídeos no YouTube, principalmente o canal da Michele, o Cabide Colorido, foi o primeiro que eu me apaixonei rs. Comecei a questionar as agências da minha cidade e acabou que eu decidi que era aquele programa o ideal pra mim. Mas Mariana que negócio é esse? O que é Au Pair?

Au Pair, nada mais é uma babá!

Veja os requisitos (da minha agência Experimento, mas pode variar de agência para agência):

– Ser do sexo feminino;

– Solteira e sem filhos;

– Ter entre 18 e 26 anos;

– Estar disposta a cuidar de crianças;

– Ter carteira de habilitação;

– Ensino Médio concluído;

– Nível de Inglês Intermediário;

– Mínimo de 200 horas de experiência com crianças;

Mas porque você não escolheu um programa de trabalho e estudo que não fosse o Au Pair? Primeiro, o custo, o programa de Au Pair é muito mais barato, ele é realmente acessível para quem não tem 20 mil para desembolsar em um intercâmbio.

Mas então, foi aí que eu me deparei com um desafio: o temido 1 ANO fora. Fiquei com muito medo, muito medo mesmo! Por namorar, pela minha mãe não aceitar a ideia, por ser outro país, por tudo, deu uma insegurança geral. E sempre foi assim, eu pesquisava, me empolgava e depois dava aquela “esquecida”. Mas a minha vontade de fazer um intercâmbio sempre foi muito grande e eu decidi encarar aquele medo, aquela insegurança. Com o cu na mão? Sim, com o cu na mão.

Em resumo, esse é o programa perfeito para quem está disposto a cuidar de crianças e tem o orçamento mais baixo. Afinal ele é barato comparado aos outros programas, é remunerado em dólar, e isso eu achei ótimo por não depender de dinheiro do Brasil para me manter lá, e além disso está tudo incluso no programa, passagem, treinamento, hospedagem, alimentação, TUDO. Simplesmente era tudo o que eu precisava.

Agora, uma dica pra quem tá aí nessa fase de indecisão que eu tanto sofri, vai com calma, pesquisem MUITO, falem muito com os amigos e com a sua família sobre isso, procurem conhecer meninas que já foram, vão nas agências para que eles expliquem tudo tim tim por tim tim. Vejam vídeos no Youtube, entrem nos grupos de Au Pair no Facebook e estejam seguras daquilo que estão decidindo, afinal é um ano na sua vida, é um dinheiro investido. Então pensem direitinho no que vale a pena para vocês. Não vou dizer que vai ser fácil, é vida real, tem dificuldades sim, tem a saudade, tem a homesick, mas a gente supera e tudo dá certo e se não der, a gente volta para casa numa boa! Nada de ficar passando perrengue só para ficar em outro país eim!

Fiquem tranquilas e contem comigo para o que precisarem em relação às dúvidas e etc.

Um beijo e TCHAAU!

Instagram: @curtadistancia | Snapchat: mdeoliveira93 | Fan Page: Curta Distância  YouTube: Curta Distância

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s